Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vetores da Inutilidade

Poesia, Atualidade, Crítica, Opinião, Artes e Cultura. Um blog por João M. Pereirinha

Vetores da Inutilidade

Poesia, Atualidade, Crítica, Opinião, Artes e Cultura. Um blog por João M. Pereirinha

Entre o haver e o sonhar...

Há quem sonhe com viagens
e há que sonhe em viajar.
Há quem sonhe com sonhar,
eu só sonho em te amar.

 

Há quem tenha viagens,
Há quem tenha aparições.
Há quem tenha paixões
e eu tenho as tuas imagens.

 

Bem gravadas no meu coração,
estão as memórias do nosso amor.
Estão tua alma, teus beijos, teu calor,
Estão um poema, um momento e uma cação.

 

Há quem sonhe com uma viagem,
Há quem queira viajar.
Eu apenas uma mensagem
tenho para pronunciar:
"Contigo meu amor, para sempre vou ficar."

 

02.09.2006
de João Pereirinha

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.